Filtro
Restabelecer
Ordenar porRelevância
vegetarianvegetarian
Restabelecer
  • Ingredientes
  • Dietas
  • Alergias
  • Nutrição
  • Técnicas
  • Cozinhas
  • Tempo
Sem


Quais são os melhores peixes para comer para a saúde?

Quais são os melhores peixes para comer para a saúde?

  1. O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos recomenda que a maioria das pessoas coma frutos do mar duas vezes por semana como parte de uma dieta equilibrada.

  2. Peixes oleosos contêm ácidos graxos ômega-3, que são gorduras benéficas que os seres humanos devem obter de sua dieta. Os ácidos graxos ômega-3 têm benefícios potenciais à saúde, como ajudar a prevenir doenças cardiovasculares.

  3. Como o peixe é uma fonte de proteína com pouca gordura, incorporá-lo à dieta também pode levar à perda de peso.

  4. Neste artigo, examinamos oito dos melhores tipos de peixe para comer, incluindo seus perfis nutricionais e como cozinhá-los.

1. Salmão selvagem

  1. Todos os tipos de salmão contêm ácidos graxos ômega-3, que são benéficos para a saúde do coração.

  2. Este peixe também é uma boa fonte de vitamina D e cálcio. No entanto, para níveis mais altos de nutrientes, é melhor escolher salmão capturado em vez de salmão de criação.

  3. O salmão selvagem tende a conter mais ômega-3 e vitaminas e possui menos gordura saturada.

Como cozinhá-lo

  1. Uma maneira simples de preparar salmão é cozinhá-lo no vapor em papel manteiga.

  2. Para fazer isso:

2. Atum

  1. Geralmente é seguro comer atum com moderação. Alguns tipos de atum contêm mais mercúrio do que outros, e as pessoas devem garantir que limitam o consumo dessas variedades.

  2. Atum branco enlatado, ou albacora, tem um teor de mercúrio mais alto que atum enlatado, ou skipjack.

  3. O atum é pobre em calorias e rico em vitaminas e proteínas. Uma porção de 100 gramas (g) de atum skipjack contém 22 g de proteína.

  4. As pessoas devem estar cientes de que certas variedades de atum, incluindo o atum rabilho, estão ameaçadas pela sobrepesca. Sempre que possível, eles devem escolher um tipo que não esteja em risco, como o skipjack.

Como cozinhá-lo

  1. O atum é fácil de preparar. Pincele um bife de atum com azeite e polvilhe com sal e pimenta. Cubra em fogo médio-alto por cerca de 5 minutos até que o peixe lasque com facilidade.

3. Truta arco-íris

  1. A maioria das trutas disponíveis nos supermercados é o produto da agricultura em lagoas de água doce e pistas de concreto, que imitam um rio que flui.

  2. Existem regulamentos estritos que regem a agricultura de trutas nos EUA, que limitam o número de produtos químicos que os agricultores podem usar. Esse regulamento resulta em níveis mais baixos de mercúrio, tornando essa variedade de peixes de criação uma escolha mais segura e saudável.

  3. A truta arco-íris cultivada contém 19,94 g de proteína por 100 g e 4,30 microgramas (mcg) de vitamina B-12.

Como cozinhá-lo

  1. Assar ou grelhar trutas com um pouco de azeite, suco de limão e ervas é um método simples de preparação.

4. Alabote do Pacífico

  1. O alabote é um peixe branco firme com sabor suave. Pode ser uma boa opção para pessoas que geralmente não gostam de peixe, mas gostariam de adicioná-lo à sua dieta.

  2. O alabote contém 18,56 g de proteína por 100 g e também é uma boa fonte de potássio e vitamina D.

Como cozinhá-lo

  1. É possível preparar e comer alabote de várias maneiras.

  2. Uma opção simples é marinar filetes de alabote em uma mistura de azeite, alho, suco de limão, manjericão e salsa. Grelhe ou refogue os filés até que fiquem lascados com facilidade.

  3. As pessoas podem adicionar arroz integral e legumes para criar uma refeição saudável.

5. Cavalinha

  1. A cavala é um peixe branco firme com um sabor forte.

  2. Tende a ter mais ômega-3 e vitamina B-12 do que outros tipos de peixe. A escolha de cavala em conserva ou defumada pode aumentar o teor de sódio do peixe; portanto, as pessoas devem verificar isso nos rótulos dos alimentos.

  3. Variedades menores, como a cavala atlântica e espanhola, são melhores opções porque peixes maiores tendem a conter níveis mais altos de mercúrio.

Como cozinhá-lo

  1. As pessoas podem escaldar filetes de cavala com um pouco de vinho, água, cebola fatiada e pimenta.

6. Bacalhau

  1. O bacalhau é um peixe branco escamoso e fácil de preparar.

  2. O bacalhau é uma boa fonte de fósforo, niacina e vitamina B-12. É rico em proteínas, mas pobre em gordura e calorias, sendo a escolha ideal para pessoas que estão tentando controlar o peso corporal.

Para viagem

  1. Comer peixe duas vezes por semana é uma ótima maneira de obter proteína magra juntamente com nutrientes importantes.

  2. Alguns tipos de peixes são melhores escolhas do que outros devido a uma menor probabilidade de contaminantes, como mercúrio.

  3. Um médico pode fazer recomendações individuais sobre o consumo de peixe contendo mercúrio para crianças, pessoas que estão grávidas ou amamentando ou com problemas de saúde.

  4. Artigo revisado pela segunda-feira 12 de novembro de 2018. Visite nossa página de categoria Nutrição / Dieta para obter as últimas notícias sobre esse assunto ou cadastre-se em nossa newsletter para receber as atualizações mais recentes sobre Nutrição / Dieta. Todas as referências estão disponíveis na guia Referências.

  5. Use um dos seguintes formatos para citar este artigo em seu ensaio, artigo ou relatório:

  6. Observe: Se nenhuma informação de autor for fornecida, a fonte será citada.



Donate - BNB: bnb16ghhqcjctncdczjpawnl36jduaddx5l4eysm5c