Filtro
Restabelecer
Ordenar porRelevância
vegetarianvegetarian
Restabelecer
  • Ingredientes
  • Dietas
  • Alergias
  • Nutrição
  • Técnicas
  • Cozinhas
  • Tempo
Sem


Comer em vs. Comer fora

Proteína

  1. Ao tentar decidir comer fora ou ficar e cozinhar, considere as vantagens e desvantagens potenciais para a saúde de cada uma. Comer fora, embora tipicamente menos nutritivo do que comer, não precisa ser realmente prejudicial. Você também pode evitar o tédio na dieta e aumentar os benefícios de saúde de comer.

Comer dentro

  1. Uma grande vantagem na preparação de suas refeições em casa é a capacidade de controlar os ingredientes. Saber exatamente qual ingrediente e quanto você está colocando em sua comida pode ajudá-lo a fazer escolhas saudáveis. Cozinhar em casa também pode levar a um melhor controle da porção, no qual você pode regular a quantidade de comida servida no jantar.

  2. A principal desvantagem de cozinhar em casa é o potencial de entrar em uma rotina alimentar. Comer os mesmos alimentos saudáveis ​​repetidamente não é necessariamente mais saudável do que comer alimentos não nutritivos. De acordo com a Clínica Mayo, comer uma dieta variada é a melhor maneira de fornecer ao seu corpo vitaminas e nutrientes essenciais.

Comer fora

  1. Embora jantar fora possa ser uma experiência divertida e possa apresentar alimentos que você não comeria de outra forma, ele pode ter algumas desvantagens nutricionais negativas. Muitas refeições em restaurantes são distribuídas em excesso, e algumas podem conter até o dia inteiro de calorias. Comer refeições também limita sua capacidade de conhecer os ingredientes da sua comida. As refeições em restaurantes também costumam ter mais calorias do que as refeições caseiras e, muitas vezes, muito mais sódio, devido a aditivos e grandes quantidades de sal nas receitas.

O que evitar

  1. Comer fora não precisa ser prejudicial. Você pode executar várias etapas para tornar o jantar mais nutritivo. Evite comer um prato cheio de uma só vez, devido ao grande tamanho da porção das refeições do restaurante. Evite refeições com alto teor de gordura, como massas à base de creme e alimentos açucarados e fritos. Essas refeições são tipicamente densas em calorias e oferecem pouca nutrição. Em vez disso, procure refeições que forneçam nutrientes de vegetais, frutas e grãos integrais e sejam feitas com molhos mais leves, como vinagrete balsâmico ou molho marinara.

  2. Ao jantar em casa, tente evitar refeições não saudáveis ​​e pré-embaladas, pois normalmente são menos nutritivas e têm mais sódio e calorias do que as refeições caseiras. Seja para uma salada em casa ou em um restaurante, lembre-se do potencial teor de gordura dos molhos para salada. Uma salada coberta com algumas colheres de sopa de molho com alto teor de gordura pode conter até 400 ou 500 calorias.

Sugestões

  1. Ao comer fora, reduza as calorias ordenando que metade de uma refeição seja embalada antes de ser servida. Essa estratégia pode ajudar a impedir que você coma demais e também fornece um almoço ou jantar fácil para o dia seguinte. Se você pedir comida com um curativo, solicite o curativo lateral para que você possa controlar o valor da comida.

  2. Você também pode tornar a alimentação mais saudável. Compre uma variedade de alimentos e tente incluir um novo ingrediente em sua cozinha a cada semana para evitar o tédio e aumentar sua exposição nutricional. Explore novas receitas, ingredientes e cozinha regional para ajudá-lo a consumir uma variedade maior de alimentos. Ao preparar as refeições, verifique se elas contêm produtos frescos, carboidratos e proteínas de grãos integrais e têm pouca gordura saturada e sódio. O site Frutas e Vegetais Mais Matérias sugere encher até metade do seu prato com produtos a cada refeição.

  3. Ao comer fora, reduza as calorias ordenando que metade de uma refeição seja embalada antes de ser servida. Essa estratégia pode ajudar a impedir que você coma demais e também fornece um almoço ou jantar fácil para o dia seguinte. Se você pedir comida com um curativo, solicite o curativo lateral para que você possa controlar o valor da comida.

  4. Você também pode tornar a alimentação mais saudável. Compre uma variedade de alimentos e tente incluir um novo ingrediente em sua cozinha a cada semana para evitar o tédio e aumentar sua exposição nutricional. Explore novas receitas, ingredientes e cozinha regional para ajudá-lo a consumir uma variedade maior de alimentos. Ao preparar as refeições, verifique se elas contêm produtos frescos, carboidratos e proteínas de grãos integrais e têm pouca gordura saturada e sódio. O site Frutas e Vegetais Mais Matérias sugere encher até metade do seu prato com produtos a cada refeição.



Donate - BNB: bnb16ghhqcjctncdczjpawnl36jduaddx5l4eysm5c